segunda-feira, 18 de junho de 2012

Liturgia Diária - Evangelho, Salmo e Santo do dia

Atendei o meu gemido, ó Senhor! Sl 5

Ano B – Dia: 18/06/2012
Sl 5, 2-3. 5-6. 7 (R. 2b)
R. Atendei o meu gemido, ó Senhor!
2 Escutai, ó Senhor Deus, minhas palavras,
atendei o meu gemido!
3 Ficai atento ao clamor da minha prece,
ó meu Rei e meu Senhor!

R. Atendei o meu gemido, ó Senhor!

5 Não sois um Deus a quem agrade a iniquidade,
não pode o mau morar convosco;
6 nem os ímpios poderão permanecer
perante os vossos olhos.

R. Atendei o meu gemido, ó Senhor!

7 Detestais o que pratica a iniquidade
e destruís o mentiroso.
Ó Senhor, abominais o sanguinário,
o perverso e enganador.

R. Atendei o meu gemido, ó Senhor!
Glória ao Pai,ao Filho e ao Espirito Santo, como era no principio, agora e sempre . Amém!


São Gregório João Barbarigo 


18 de junho

Gregório João Barbarigo nasceu em Veneza, no dia 16 de setembro de 1625, numa família rica da aristocracia italiana. Aos quatro anos de idade ficou órfão de mãe, sendo educado pelo pai, que encaminhou os filhos no seguimento de Cristo. Foi tão bem sucedido que Gregório, aos dezoito anos de idade, era secretário do embaixador de Veneza.

Em 1648, acompanhou o embaixador à Alemanha para as negociações do Tratado de Vestefália, referente à Guerra dos Trinta Anos. Na ocasião, conheceu Fábio Chigi, o núncio apostólico, que o orientou nos estudos e o encaminhou para o sacerdócio.

Quando o núncio foi eleito papa, com o nome de Alexandre VII, nomeou Gregório Barbarigo cônego de Pádua; em 1655, prelado da Casa pontifícia e dois anos mais tarde foi consagrado bispo de Bérgamo. Finalmente, em 1660, tornou-se cardeal.

O papa sabia o que estava fazendo, pois as atividades apostólicas de Gregório Barbarigo marcaram profundamente a sua época. Dotou o seminário de Pádua com professores notáveis, provenientes não só da Itália, mas também de outros países da Europa, aparelhando a instituição para o estudo das línguas orientais. E fundou uma imprensa poliglota, uma das melhores que a Itália já teve.

Pôde desenvolver plenamente seu trabalho pastoral, fundando escolas populares e instituições para o ensino da religião, para orientação de pais e educadores. Num período de peste, fez o máximo na dedicação ao próximo. Cuidou para estender a assistência à saúde para mais de treze mil pessoas.

Gregório Barbarigo fundou, ainda, inúmeros seminários, que colocou sob as regras de são Carlos Borromeu, e constituiu a Congregação dos Oblatos dos Santos Prosdócimo e Antônio. Foi um dos grandes pacificadores do seu tempo, intervindo, pessoalmente, nas graves disputas políticas de modo que permanecessem apenas no campo das idéias.

Depois de executar tão exuberante obra reformista, morreu em Pádua no dia 18 de junho de 1697. Foi canonizado por seu conterrâneo, o papa João XXIII, em 1960, que, como afirmou no seu discurso na solenidade, elevou são Gregório João Barbarigo ao posto que ele merecia ocupar na Igreja.

São Gregório João Barbarigo, rogai por nós!


Leitura . (1Reis 21,1-16)

Ano B – Dia: 18/06/2012
Leitura do Primeiro Livro dos Reis 

1Nabot de Jezrael possuía uma vinha em Jezrael, ao lado do palácio de Acab, rei de Samaria.

2Acab falou a Nabot: ’Cede-me a tua vinha, para que eu a transforme numa horta, pois está perto da minha casa. Em troca eu te darei uma vinha melhor,
ou, se preferires, pagarei em dinheiro o seu valor’.

3Mas Nabot respondeu a Acab: ’O Senhor me livre de te ceder a herança de meus pais’.

4Acab voltou para casa aborrecido e irritado por causa desta resposta que lhe deu Nabot de Jezrael: ’Não te cederei a herança de meus pais’. Deitou-se na cama, com o rosto voltado para a parede, e não quis comer nada.

5Sua mulher Jezabel aproximou-se dele e disse-lhe: ’Por que estás triste e não queres comer?’

6Ele respondeu: ’Porque eu conversei com Nabot de Jezrael e lhe fiz a proposta de me ceder a sua vinha pelo seu preço em dinheiro, ou, se preferisse, eu lhe daria em troca outra vinha. Mas ele respondeu que não me cede a vinha’.

7Então sua mulher Jezabel disse-lhe: ’Bela figura de rei de Israel estás fazendo! Levanta-te, toma alimento e fica de bom humor, pois eu te darei a vinha de Nabot de Jezrael’.

8Ela escrefeu então cartas em nome de Acab, selou-as com o selo real, e enviou-as aos anciãos e nobres da cidade de Nabot.

9Nas cartas estava escrito o seguinte: ’Proclamai um jejum e fazei Nabot sentar-se entre os primeiros do povo,

10e subornai dois homens perversos contra ele, que dêem este testemunho: ’Tu amaldiçoaste a Deus e ao rei!` Levai-o depois para fora e apedrejai-o até que morra’.

11Os homens da cidade, anciãos e nobres concidadãos de Nabot, fizeram conforme a ordem recebida de Jezabel, como estava escrito nas cartas que lhes tinha enviado.

12Proclamaram um jejum e fizeram Nabot sentar-se entre os primeiros do povo.

13Chegaram os dois homens perversos, sentaram-se diante dele e testemunharam contra Nabot diante de toda a assembléia, dizendo: ’Nabot amaldiçoou a Deus e ao rei’. Em virtude disto, levaram-no para fora da cidade e mataram-no a pedradas.

14Depois mandaram a notícia a Jezabel: ’Nabot foi apedrejado e morto’.

15Ao saber que Nabot tinha sido apedrejado e estava morto, Jezabel disse a Acab: ’Levanta-te e toma posse da vinha que Nabot de Jezrael não te quis ceder
por seu preço em dinheiro; pois Nabot já não vive; está morto’.

16Quando Acab soube que Nabot estava morto, levantou-se para descer até a vinha de Nabot de Jezrael e dela tomar posse.

Palavra do Senhor.

Graças a Deus.


A vingança . Mt 5,38-42 


Ano B – Dia: 18/06/2012
Eu vos digo: não enfrenteis quem é malvado!
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 5,38-42
 
 Disse Jesus aos seus discípulos:

38Ouvistes o que foi dito:
‘Olho por olho e dente por dente!’

39Eu, porém, vos digo:
Não enfrenteis quem é malvado!
Pelo contrário, se alguém te dá um tapa na face direita,
oferece-lhe também a esquerda!

40Se alguém quiser abrir um processo
para tomar a tua túnica, dá-lhe também o manto!

41Se alguém te forçar a andar um quilômetro,
caminha dois com ele!

42Dá a quem te pedir
e não vires as costas a quem te pede emprestado.

Palavra da Salvação.

0 comentários :